Final da Taça de Portugal no Jamor nos próximos três anos

FPF acredita que serão criada condições para ir "recolocando o Jamor como espaço de eleição para as selecções nacionais".

Foto

Numa nota publicada no site da FPF é avançado que, “após um exaustivo trabalho de levantamento de necessidades ao nível da segurança dos espectadores e das equipas e confirmado o compromisso do Estado num plano de melhoramentos do Estádio Nacional”, a final da Taça de Portugal não abandona o Jamor.

Na última quarta-feira, o ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares reafirmou a vontade do Governo em que a final da prova continuasse a ser disputada no Estádio Nacional, mas admitiu que será necessário “algum investimento” no recinto. “Sabemos que, para além de ser o símbolo da festa da Taça e de grandes momentos do desporto português, tem algumas dificuldades e é um estádio que está muito desadequado para grandes momentos desportivos. Vamos fazer um esforço para que a final se realize lá”, disse Miguel Relvas.

O presidente da FPF diz que “agora é importante avançar e criar até condições para voltar a ver a selecção nacional pisar o palco do Estádio Nacional". Fernando Gomes sublinha que "na final da Taça deste ano as condições não serão ainda as ideais”, mas que nestes três anos deverão ficar criadas para, “a par da Cidade do Futebol, ir recolocando o Jamor como espaço de eleição para as selecções nacionais".