Dario Andrade ajudou o Benfica a resolver o problema Águas Santas

FC Porto lidera o campeonato de andebol com mais um ponto do que o Benfica.

O Benfica está nos quartos-de-final da Taça das Taças de andebol
Foto
O Benfica está nos quartos-de-final da Taça das Taças de andebol Foto: Nuno Ferreira Santos

Os contra-ataques e a eficácia de Dario Andrade ajudaram a equipa de andebol do Benfica a vencer no pavilhão do Águas Santas, na Maia, um recinto normalmente difícil e onde o Sporting não conseguiu passar esta temporada. A formação lisboeta superiorizou-se por 24-28 ao quinto classificado e manteve-se a um ponto do líder FC Porto, que, tal como se esperava, não teve dificuldades para ultrapassar o Fafe em casa (37-25).

Andrade, o ponta-esquerda que no início da época trocou o Dragão pela Luz, foi o melhor marcador benfiquista, ao apontar nove golos em 12 remates. Inácio Carmo (4), José Costa (4) e Davor Cutura (5) foram os outros atletas das “águias” com peso no marcador, mas o compromisso do segundo classificado nesta 16.ª jornada do campeonato foi difícil. Além do 0-0 inicial, o resultado esteve mais 16 vezes empatado e só nos últimos quatro minutos o Benfica conseguiu descolar. Bosko Bjelanovic e Pedro Cruz, com seis golos cada um, foram os melhores concretizadores do Águas Santas.

No Dragão Caixa, no Porto, João Ferraz (7) e Gilberto Duarte (7) foram responsáveis por 14 dos 37 golos que o FC Porto marcou ao Fafe. O ABC reforçou o quarto lugar, graças a uma vitória (23-30) em Lisboa sobre o Belenenses. Pedro Seabra justificou a sua recente chamada à selecção nacional, ao obter seis golos.

O Sporting conseguiu a goleada da jornada (47-22 ao Xico Andebol) e manteve o 3.º lugar, com menos oito pontos (e um jogo) do que o FC Porto. Por fim, o Sp. Horta ganhou ao CDE Camões, por 28-23.