Na Argentina, acham que há um desportista melhor do que Messi

O futebolista que é considerado por muitos como o melhor do mundo foi derrotado por um pugilista numa eleição no seu próprio país.

O pugilista Sérgio Martinez no momento de receber o troféu de melhor desportista argentino do ano
Foto
O pugilista Sérgio Martinez no momento de receber o troféu de melhor desportista argentino do ano Marcos Brindicci/Reuters

O pugilista Sérgio Martinez “bateu” o futebolista Lionel Messi na corrida pelo título de melhor atleta argentino de 2012, atribuído nesta quarta-feira pela Associação de Jornalistas Desportivos daquele país sul-americano.

Apesar do favoritismo do internacional do FC Barcelona, que bateu o recorde de golos marcados num ano (90), foi o “veterano”, de 37 anos, “Maravilha” Martinez, como é conhecido no mundo do boxe, que conseguiu o maior número de votos.

Para isso contribuiu a vitória do pugilista sobre o mexicano Júlio César Chavez, em Setembro, em Las Vegas (EUA), que lhe valeu o título de campeão mundial de pesos médios (WBC).

“Sinto-me feliz e honrado por ter ganho este prémio frente a atletas como Sebastian Crismanich (medalha de ouro olímpico em taekwondo) e Leo Messi”, disse Sérgio Martinez durante a cerimónia de anúncio do galardão.

A mesma associação de jornalistas considerou o jogador do FC Barcelona o melhor futebolista do ano, à frente de Sérgio Aguero (Manchester City) e Gonzalo Higuaín (Real Madrid).

Lionel Messi, Cristiano Ronaldo (Portugal) e Andrès Iniesta (Espanha) são os candidatos a Melhor Jogador do Mundo de 2012, título que será conhecido em Janeiro.