Quando as crianças telefonam mesmo ao Pai Natal

A rede de telecomunicações ”Oi” lança uma ideia original no Rio de Janeiro. Uma cabine telefónica, onde as crianças podem falar com o Pai Natal

No Brasil, esta época natalícia tem mais um toque de magia. A partir de uma ideia da agência NBS, a rede de telecomunicações Oi colocou, no Rio de Janeiro, uma cabine telefónica que chama a atenção.

Cada criança tem direito a uma chamada com o Pai Natal, que é interpretado por actores reformados, pertencentes ao Retiro de Artistas do Brasil.

Do outro lado do telefone, o Pai Natal pode ver cada criança através de um ecrã que tem a vista da cabine. Durante a chamada, o "Pai Natal” mantém uma conversa com a criança, onde pergunta pelo seu duende perdido, que surge à frente da criança.

Em seguida, ainda em conversa com o "Pai Natal", é deixado um presente à criança, no chão da cabine telefónica. No fim da chamada, o "Pai Natal" pede para carregar na tecla do asterisco do telefone. Logo a seguir, surge um "video mapping" no prédio ao lado que mostra animações de Natal, juntamente com neve artificial.

O número para conversar com o Pai Natal foi disponibilizado pela Oi e o custo das chamadas reverte para o Retiro dos Artistas e para o Coral Associação Harmonicando Música e Cidadania da Comunidade Cantagalo.