CCB volta a ter galeria de exposições

A Garagem Sul foi convertida num espaço de exposições exclusivamente dedicado à arquitectura

Fotogaleria
Vasco Graça Moura na apresentação da programação, ladeado por Dalila Rodrigues e Miguel Leal Coelho, os administradores Rui Gaudêncio
Fotogaleria
Pormenor da exposição dedicada a Nuno Portas Rui Gaudêncio
Fotogaleria
Pormenor da exposição dedicada a Nuno Portas Rui Gaudêncio
Fotogaleria
Pormenor da exposição dedicada a Nuno Portas Rui Gaudêncio

São mais de dois mil metros quadrados em espaço aberto e num único piso: na sexta-feira o Centro Cultural de Belém (CCB) inaugura, com uma mostra dedicada ao arquitecto Nuno Portas, uma nova galeria expositiva cuja área corresponderá a cerca de 80% da do Grande Hall do antigo Centro de Exposições, hoje Museu Berardo, em Lisboa.

A programação do novo espaço, que nasceu da reconversão, nos últimos meses, da Garagem Sul do edifício do CCB, e em cujas obras e programação do primeiro ano foram investidos 145 mil euros, será inteiramente dedicada à arquitectura, foi anunciado esta terça-feira na conferência de imprensa de apresentação da temporada 2012-2013.    

Será um dos maiores espaços europeus exclusivamente dedicado à arquitectura. E é também a grande novidade da nova temporada, marcada, em parte, pelas restrições orçamentais devidas ao corte de 20% no orçamento do CCB – no âmbito da redução de financiamento estatal a fundações.

Com esse corte, em 2013 o CCB terá um orçamento global de 10,3 milhões de euros, o que implicou um corte de 38,7% na programação, explicou Vasco Graça Moura, o novo presidente do conselho de administração.

Em funções desde Fevereiro, Graça Moura definiu 2012 e 2013 como anos de “grandes dificuldades, mas em que os desafios devem ser vistos como estímulos”. 

Da programação, destaca-se a preponderância de nomes portugueses, tanto na música, como na dança e no teatro.

Na música, o CCB continuará a trabalhar as suas parcerias - com a Divino Sospiro, a Metropolitana, a Olisipo e Os Músicos do Tejo, por exemplo - mas terá novidades, como um ciclo de música de câmara e os concertos do programa Bom Dia Música, aos domingos de manhã. Receberá também no Grande Auditório as provas do concurso Jovens Músicos 2013, da Gulbenkian e Antena 2, e terá, já este mês, um concerto de Natal em que Luís Tinoco, Alexandre Delgado, Nuno Côrte-Real e António Pinho Vargas reinterpretarão composições de Verdi e Wagner. 

A programação de teatro é composta por espectáculos de Jorge Silva Melo, Ricardo Pais, Teatro Praga, Companhia Maior, António Fonseca e Marco Martins. Na dança haverá dois nomes internacionais - Marie Chouinard e Hofesh Shechter -  e três portugueses - Rui Horta, Francisco Camacho e Tânia Carvalho. 

Entre as novidades de programação está um grande Ciclo Literatura e Humanidades, com sessões dedicadas à importância do estudo do Latim, a clássicos da literatura brasileira do século XX, a António José Saraiva, Ruy Belo e António Lobo Antunes, bem como painéis sobre história portuguesa com Bernardo Vasconcelos e Sousa, Nuno Gonçalo Monteiro e Rui Ramos. 

Notícia corrigida às 18h17: Montante do investimento na reconversão da Garagem Sul