UEFA faz chegar dinheiro fresco a Alvalade

Há motivos para sorrir em Alvalade com a chegada do dinheiro da UEFA
Foto
Há motivos para sorrir em Alvalade com a chegada do dinheiro da UEFA Paul Ellis/AFP

A UEFA confirmou nesta sexta-feira que o Sporting e outros 15 clubes, que tinham vistos suspensos os prémios monetários, podem agora receber as respectivas verbas, após uma investigação do Comité de Controlo Financeiro de Clubes (CFCB).

“Dezasseis dos 23 clubes que tinham visto suspensos os prémios monetários das provas da UEFA em 2012-13 podem agora receber as respectivas verbas após uma investigação do Comité de Controlo Financeiro de Clubes da UEFA, que concluiu que os referidos clubes cumprem neste momento todos os requisitos financeiros exigidos”, refere uma nota divulgada no site do organismo.

A 16 de Novembro, o Sporting já tinha anunciado em comunicado que a UEFA tinha aceitado os seus argumentos em matéria de regime de fair-play financeiro, considerando que o clube cumpria todos os pressupostos, demonstrando a inexistência de dívidas vencidas a 30 de Junho de 2012.

No início de Setembro, o Sporting viu retido temporariamente o pagamento dos prémios monetários da UEFA, em consequência do alegado incumprimento das normas do fair-play financeiro.

“Com base em novas informações fornecidas pelos clubes à câmara de investigação - no prazo subsequente de 30 de Setembro - e segundo as suas próprias investigações, o CFCB decidiu fazer cair os casos envolvendo 16 clubes, devido à inexistência de graves problemas financeiros”, refere a nota da UEFA.

Um desses clubes é o Atlético de Madrid, actual detentor da Liga Europa.

Na época de 2011-12, o Sporting garantiu 4.319.383 euros em prémios, por ter atingido as meias-finais da Liga Europa.

De acordo com o organismo, os processos de sete clubes, entre os quais o Málaga, de Espanha, foram enviadas para “a câmara de contenciosos para que sejam tomadas as acções necessárias”.     

Sugerir correcção