Maioria PSD/CDS aprova Orçamento para 2013

Toda a oposição e o deputado centrista da Madeira votaram contra.

Foto
Apenas quatro deputados do CDS apresentaram declaração de voto

A maioria parlamentar PSD/CDS aprovou nesta terça-feira a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2013, com os votos contra do PS, PCP, BE e Os Verdes, e do deputado do CDS eleito pela Madeira.

A mesma votação obteve a proposta das Grandes Opções do Plano. Nas galerias, representantes dos militares que estavam presentes levantaram-se no momento do voto contra e foram convidados a sair da sala, tendo abandonado o plenário em silêncio.

Na bancada do CDS, o deputado Rui Barreto, que votou contra, violando a disciplina de voto, apresentou declaração de voto. Também anunciaram declarações de voto os deputados João Almeida, Adolfo Mesquita Nunes e José Ribeiro e Castro.

Nem no PSD nem no PS foram anunciadas declarações de voto. A bancada do PSD apresentara uma única declaração de voto sobre matéria fiscal, depois de ontem terem recuado numa outra assinada por apenas 18 deputados e muito mais contundente sobre as opções fiscais do Governo.