Futebol

Benfica apura-se para a final do Master da Polónia

Carlos Martins (aqui numa foto de 2010) foi uma das figuras do jogo
Foto
Carlos Martins (aqui numa foto de 2010) foi uma das figuras do jogo Foto: Francisco Leong/AFP

Em mais um jogo de preparação para a nova época, o Benfica venceu o Slask Wroclaw por 4-2 e qualificou-se para o jogo decisivo do torneio que está a decorrer na Polónia. No domingo, às 13h45, vai defrontar o PSV Eindhoven.

Os "encarnados" começaram bem a partida, com o golo inaugural a sugir logo aos 11 minutos, na sequência de uma brilhante jogada individual de Witsel, que foi concluída por Cardozo.

Já no segundo tempo, mais concretamente aos 59', um livre indirecto de Carlos Martins (que entrou aos 45' para o lugar de Bruno César) resultou no 2-0, graças a uma emenda eficaz de cabeça de Luisão.

Com Ola John e Gaitán também no lugar dos substituídos Nolito e Yannick, o Benfica afrouxou um pouco o ritmo e permitiu o empate aos polacos em apensa dois minutos (67' e 69'). Primeiro num remate de fora da área de Elsner ao qual Artur reagiu demasiado tarde, depois num remate em arco de Sobota, a explorar o espaço concedido no lado direito da defesa.

Os "encarnados" voltaram a carregar no acelerador e resolveram a partida pouco depois. Melgarejo desferiu um remate potente à trave, aos 73', e Carlos Martins emendou o ressalto para a baliza. O médio que o Benfica emprestou ao Granada na temporada passada voltaria a ser decisivo no lance do último golo, com uma assistência perfeita para o 4-2 de Gaitán.

Sugerir correcção