Taça da Liga

Benfica recebido com vaias e Gil Vicente com fogo-de-artifício

O Gil Vicente perdeu por duas bolas a uma
Foto
O Gil Vicente perdeu por duas bolas a uma Rafael Marchante/Reuters

O Benfica, que conquistou a Taça da Liga neste sábado, foi recebido à chegada ao Estádio da Luz por uma vaia de 30 adeptos descontentes. O Gil Vicente, que perdeu, chegou a Barcelos e tinha à espera fogo-de-artifício.

Em Lisboa, ontem à noite, o autocarro do Benfica foi recebido por cerca de 30 adeptos. De cara tapada foram gritando, primeiro para o autocarro, que chegou às 2h, e depois individualmente a cada jogador, quando saiam do recinto nos carros particulares, “vocês são uma vergonha”, manifestando forte descontentamento pelo desempenho da equipa esta temporada, que chegou a liderar a I Liga com cinco pontos de vantagem sobre o FC Porto, estando agora a quatro dos “dragões”, que comandam o campeonato.

Apenas o médio argentino Pablo Aimar parou o carro, abriu a janela e saudou os adeptos, o que serenou momentaneamente os ânimos, para logo de seguida, com a saída do treinador Jorge Jesus, voltar à situação inicial.

Nem todos os presentes estavam de acordo com estes apupos, havendo alguns que aplaudiram os atletas, situação que criou um momento de tensão, apenas resolvido com a intervenção da PSP.

Em Barcelos, dezenas de adeptos esperaram pela chegada do autocarro do Gil Vicente para aplaudirem jogadores e dirigentes, uma recepção que surpreendeu o próprio presidente do clube, António Fiúsa. “Às 3h da manhã, ter esta recepção, este entusiasmo, confesso que não estava à espera.”

Fiúsa agradeceu o apoio da massa associativa, sublinhando que foi decisivo para a equipa chegar à final, e garantiu que “dentro de três, quatro, cinco anos”, o Gil Vicente “estará a lutar para as competições europeias.

O dia de sábado foi de autêntica romaria para os adeptos do Gil Vicente, que encheram mais de 40 autocarros e rumaram a Coimbra, para assistirem à primeira final do clube.

“Ia mesmo confiante que o Gil ganharia. Perdeu, mas mesmo assim valeu a pena, foi um grande jogo”, disse José Silva, adepto do clube de Barcelos “em primeiro lugar” e depois do Benfica.

O Gil Vicente perdeu por duas bolas a uma.

“A verdade é que fizemos uma carreira brilhante, eliminámos o Sporting e o Braga, só podemos estar orgulhosos”, atirava Fátima Pereira, enquanto saudava, um a um, os jogadores do Gil.