Ministério Público

Mais dois antigos espiões ligados à Ongoing estão sob investigação

Ministério Público não fala sobre o caso por estar em segredo de justiça
Foto
Ministério Público não fala sobre o caso por estar em segredo de justiça Foto: Adriano Miranda

Ministério Público investiga dois antigos membros das secretas que trabalham na Ongoing. Um deles por eventual utilização abusiva de dinheiro público.

O Ministério Público (MP) está a investigar mais dois membros dos serviços secretos que foram contratados pela Ongoing no ano passado. Para além de Jorge Silva Carvalho, ex-director dos Serviços de Informação Estratégica de Defesa (SIED), cujo caso o PÚBLICO tem vindo a noticiar, o MP tem na mira João Alfaro, também ele ex-membro do SIED, e Paulo Félix, ex-Serviços de Informações de Segurança (SIS).

A PJ apreendeu os computadores destes dois últimos durante buscas policiais realizadas à Ongoing nos últimos dois meses. Para além disso, o SIS está a analisar alguns procedimentos, por eventual utilização abusiva de dinheiros públicos, associados a Paulo Félix, quando este tinha responsabilidades na área da informática.

O PÚBLICO apurou junto de fontes ligadas ao universo dos serviços de inteligência que as investigações do SIS a Paulo Félix estão ainda a decorrer e começaram já depois de o ex-espião ter entrado para a Ongoing, em Abril de 2011, onde, actualmente, desempenha as funções de director de auditoria de sistemas de informação.

Leia mais no PÚBLICO de hoje e na edição online exclusiva para assinantes.