Num só jogo Jimerson chegou a marcar 7 touchdownsDR
Foto
Num só jogo Jimerson chegou a marcar 7 touchdownsDR

Deixem jogar o Demias Jimerson

Demias Jimerson tem 11 anos e por ser muito bom jogador de futebol americano foi-lhe aplicado um limite de touchdowns

O caso vem do país onde quase tudo é possível: EUA. Mais precisamente de Malvern, no estado do Arkansas. No entanto, tendo em conta que o caso envolve um jogador norte-americano de um desporto também ele muito popular entre americanos, a situação torna-se bizarra.

O jogador é, na verdade, um “pequeno” grande jogador: Demias Jimerson, de 11 anos. Uma das coisas que ele sabe fazer melhor é jogar futebol americano e…correr. De facto, quem o conseguir ver a correr no campo é um afortunado, porque tão depressa ele está a arrancar como de um momento para o outro está a atravessar a linha de touchdown.

Por causa disso mesmo, ou seja, pelo facto de fazer muitos touchdowns, a directora da Wilson Intermediate School (escola onde Jimerson estuda – está no 6º ano – e por quem joga), decidiu impor ao jovem uma regra em que se ele marcar três touchdowns (cada um equivale a 6 pontos) e, com isso, a sua equipa tiver uma vantagem de 14 pontos sobre o adversário, os árbitros passam a não autorizar mais touchdowns de Jimerson.

Um déjà vu para Malvern

Na realidade, não é a primeira vez que a escola de Malvern aplica essa regra a um jovem jogador. Madre Hill, ex-jogador de futebol americano, também andou na Wilson Intermediate School e também fazia o que Jimerson faz (touchdowns “a mais”). Por causa disso, foi criada a lei que desde então se intitula “Madre Hill rule”.

Em declarações ao canal norte-americano FOX 16, a directora da escola e comissária da liga de futebol escolar, Terri Bryant, diz que a regra foi aplicada não para castigar Jimerson, mas para que os outros jovens também se possam desenvolver como jogadores.

O que mais impressiona no meio de todo este cenário é a reacção de Jimerson: “Fiquei chocado, porque não sabia que isso me ia acontecer [a aplicação da regra], mas aconteceu. [Agora] já aceitei.”

No entanto, para quem não concorda com a medida aplicada a Demias Jimerson o que se pede é paciência, porque a regra de “Madre Hill” apenas se pode aplicar a jovens do 5º e 6º ano e, para o ano, Jimerson está no 7º. A missão já a tem definida: “Vou correr rápido e levar a equipa à vitória”.