Futebol

Platini: "Adoro Mourinho. Mas diz muitas asneiras sobre os árbitros"

"Adoro o homem, a personagem e o treinador", diz Platini
Foto
"Adoro o homem, a personagem e o treinador", diz Platini Olivier Pon/Reuters (arquivo)

É um caso de "não é nada pessoal, são apenas negócios". Michel Platini, presidente da UEFA, diz que tem uma admiração especial por José Mourinho, mas que ele merece a suspensão que lhe foi imposta pelo organismo porque diz "muitas asneiras" sobre os árbitros.

"Tenho uma adoração especial por ele. Adoro Mourinho. Adoro o homem. E a personagem e o treinador. Mas isso não apaga as instâncias disciplinares o castiguem. Ele disse asneiras sobre os árbitros. É por isso que a comissão disciplinar o castigou", diz o antigo internacional francês em entrevista ao jornal espanhol "Marca".

O técnico do Real Madrid foi castigado pela UEFA com três jogos de suspensão nas competições europeias pelas suas declarações sobre o favorecimento do Barcelona pelos árbitros, feitas após o primeiro jogo da meias-finais da Liga dos Campeões que opôs catalães e "merengues".

Na mesma entrevista, Platini garante que não teve nada a ver com o castigo do técnico português. "Sei que escreveram nos jornais que foi o Platini que castigou Mourinho. Não é verdade. Eu não me ocupo de questões disciplinares nem da arbitragem", frisou o francês.

Sugerir correcção