NBA

Ao fim de 2005 jogos, Jerry Sloan sai dos Utah Jazz

Sloan foi treinador dos Jazz durante 23 anos seguidos
Foto
Sloan foi treinador dos Jazz durante 23 anos seguidos Michael Brandy/Reuters

Jerry Sloan anunciou que vai deixar de treinar os Utah Jazz, ao fim de 23 temporadas e 2005 jogos.

Sloan anunciou a decisão em conferência de imprensa e adiantou que a direcção da equipa da NBA tentou demovê-lo, embora sem sucesso. “Senti que desta vez era a vez para seguir em frente. O meu tempo chegou ao fim”, explicou Sloan, que obteve 1223 vitórias e 782 derrotas enquanto treinador principal da formação de Salt Lake City.

A decisão foi anunciada após a derrota, por 91-86, frente aos Chicago Bulls na quarta-feira, o décimo desaire dos Jazz nos últimos 14 encontros. Sloan deixa os Jazz no 7.º lugar da Conferência Oeste, em posição de “playoff”, com 31 vitórias e 23 derrotas.

O seu adjunto de longa data, Phil Johnson, que também está há 23 anos nas fileiras da equipa do Utah, apresentou igualmente a demissão.

Sloan era o treinador que estava há mais tempo no comando de uma equipa entre todos os desportos profissionais norte-americanos.

O adjunto Tyrone Corbin é agora o escolhido para continuar o trabalho de Sloan.

Sugerir correcção