Sporting

11 penáltis falhados na era Paulo Bento

Liedson (na foto) e Moutinho falharam três grandes penalidades cada um na era Paulo Bento
Foto
Liedson (na foto) e Moutinho falharam três grandes penalidades cada um na era Paulo Bento Reuters

Os penáltis falhados voltam a assombrar o Sporting. A equipa “leonina” já desperdiçou 11 grandes penalidades em jogos oficiais desde que é orientada por Paulo Bento, revela uma contabilidade feita pelo jornal “Record”.

A época 2007/08 foi particularmente má para a equipa de Alvalade no capítulo das grandes penalidades, já que falhou cinco penáltis, dois por João Moutinho, dois por Polga e uma por Romagnoli.

Na época passada, apesar da eliminação da Taça de Portugal frente ao FC Porto e a derrota na final da Taça da Liga face ao Benfica (ambas no desempate por penáltis), o problema das grandes penalidades pareceu resolvido no decurso dos jogos, com uma eficácia de 100 por cento: Moutinho converteu uma e Romagnoli quatro.

Liedson e Moutinho (ambos com três penalidades falhadas) são os rostos desta ineficácia nos penáltis, seguidos por Sá Pinto e Polga, ambos com dois remates falhados da marca dos 11 metros.

Este problema não é, porém, algo exclusivo da era Paulo Bento. Os erros de Liedson, que era o habitual marcador, começaram ainda no tempo de José Peseiro. O avançado brasileiro desperdiçou um penálti frente ao Nacional (2004/05) e outro frente ao Vitória de Setúbal (2005/06).

Sugerir correcção