Lanço de 18,7 quilómetros na A27

Novo troço de auto-estrada entre Nogueira e Ponte de Lima abre hoje

O investimento foi de 120 milhões de euros
Foto
O investimento foi de 120 milhões de euros DR

A Euroscut Norte abre hoje ao trânsito um lanço de 18,7 quilómetros da auto-estrada A27 (IP9) entre Nogueira e Ponte de Lima, Alto Minho, servindo uma zona com 130 mil habitantes.

Com a nova via, que se prevê seja utilizada em 2006 por 13.000 veículos/dia, facilitam-se os acessos a cinco freguesias de Viana do Castelo (Nogueira, Torre, Vila Mou, Meixedo, Lanheses) e sete de Ponte de Lima (Arcos, Estorãos, Moreira do Lima, Sá, Arcozelo, Brandara e Refóios do Lima).

O investimento de 120 milhões de euros compreendeu a construção oito viadutos, 11 passagens inferiores e superiores, seis passagens agrícolas e dois túneis - um com 900 metros e outro com 450.

Para minimizar o impacto da via sobre a área do Rio Lima classificada como Rede Natura 2000, foi necessário proceder à ripagem do traçado aproximadamente 150 metros para norte.

Ao longo do trajecto, foram colocados 3.230 metros quadrados de barreiras acústicas e um muro verde para mitigar o impacto paisagístico na Quinta dos Penteiros, tendo-se reimplantado 3.500 plantas e árvores, de 11 espécies diferentes.

A obra, a inaugurar pelo secretário de Estado-Adjunto das Obras Públicas, Paulo Campos, irá funcionar em regime SCUT (sem custos para o utilizador) e integra a concessão de auto-estrada Norte Litoral.

Este contrato de concessão compreende um total de 114 quilómetros de auto-estradas novas ou transferidas para a Euroscut Norte pela empresa Estradas de Portugal, correspondentes ao IC1 a norte de Matosinhos e alguns ramais.

Só os lanços construídos ou a construir directamente pela concessionária, numa extensão global de 42 quilómetros, representam um investimento de 400 milhões de euros.

A concessionária Euroscut Norte é uma sociedade controlada pela Cintra SA (75,53 por cento do capital), uma empresa do Grupo Ferrovial especializada na gestão de concessões de infra-estruturas de transporte e líder mundial no sector.