Depois da morte de DJ Master Jay

Run-DMC: “greatest hits” a caminho

Os Run-DMC acabaram recentemente
Foto
Os Run-DMC acabaram recentemente DR

Os norte-americanos Run-DMC, que anunciaram recentemente o seu fim como grupo, depois da morte de DJ Master Jay, preparam-se para editar em Março um álbum que reúne os seus maiores sucessos. O registo traz ainda duas remisturas novas.

Segundo avança o site do “New Musical Express”, o alinhamento provável da compilação é o seguinte: “It’s like that”, “Walk this way”, “Sucker MC‘s”, “Bounce”, “King of rock”, “It‘s tricky”, “Can you rock it like this”, “You be illin‘”, “Rock box”, “Run’s house”, “Peter piper”, “My adidas”, “Beats to the rhyme”, “Jam Master Jay”, “Hard times”, “Down with the king”, “Mary Mary”, “Ghostbusters”, “It‘s tricky – Jacknife Lee remix” e “Remix – TBC”.

O álbum é um registo final para o grupo de rap, que pôs um ponto final nas suas actividades no passado mês de Novembro, depois do funeral de DJ Master Jay. O músico, de seu verdadeiro nome Jason Mizell, morreu a 30 de Outubro, depois de ter sido atingido por uma bala na cabeça quando se encontrava num estúdio em Queens (Nova Iorque). Tinha 37 anos.

Mizell fundou os Run-DMC em 1982 juntamente com Darryl “DMC” McDaniels e Joe “Run” Simmons. O grupo nasceu justamente em Queens e viria a tornar-se um dos mais respeitados do universo do rap e do hip-hop. Foram o primeiro grupo a alcançar um disco de ouro e de platina e a entrar no top 10 de vendas americano. Foram o primeiro grupo de hip-hop a ter um vídeo exibido na MTV e direito a capa na conceituada revista musical "Rolling Stone". Por último, mas não menos importante, foram os primeiros não atletas a assinar um contrato publicitário com a Adidas. O último álbum de originais dos Run-DMC, “Crown Royal”, data de 1999.

Sugerir correcção