Líder da Associação de Amizade Portugal-Indonésia

Manuel Macedo e filho detidos pela Judiciária

Foto
PUBLICO.PT

A Polícia Judiciária (PJ) do Porto deteve, ao final da tarde de ontem, Manuel Macedo, conhecido líder da Associação de Amizade Portugal-Indonésia, e o seu filho, quando ambos se dirigiam para casa, nas imediações das Antas, no Porto.

A detenção foi ordenada pelo Ministério Público de Barcelos, onde os dois membros da família Macedo estarão a ser investigados por alegado envolvimento em burlas relacionadas com veículos automóveis.

Manuel Macedo e o filho dormiram nas instalações prisionais da directoria do Porto da PJ e deverão ser conduzidos hoje para Barcelos. Ambos devem ser sujeitos ao primeiro interrogatório pelo juiz de instrução, que decidirá se irá manter a detenção, mandá-los em liberdade ou sujeitá-los a outras medidas de coacção.

Personalidade polémica, Manuel Macedo ainda há semanas terá estado envolvido numa eventual agressão a um elemento da PJ do Porto. Por outro lado, as suas actividades de apoio à ocupação do território de Timor pelo regime de Suharto terão motivado uma outra investigação, para apurar presumíveis actos de espionagem a favor da Indonésia. Este inquérito não teve continuidade, sendo arquivado pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal.