Algés limpa danos das inundações. Moradores esperam que cenário não se repita

A chuva forte e o mau tempo provocaram prejuízos avultados em Algés. Trabalhos de limpeza das ruas, casas e lojas decorreram durante o dia.

GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal
GBV Guillermo Vidal 08 de Dezembro 22 Reportagem  Inundações Algés
Fotogaleria
Trabalhos de limpeza depois das inundações em Algés Guillermo Vidal

A noite foi longa e a manhã começou cedo para os moradores e comerciantes de Algés, em Oeiras. O mau tempo e a chuva forte que se fizeram sentir durante a noite e em boa parte da madrugada deixaram um rasto de prejuízos: carros ensopados em lama, ruas alagadas, lojas e cafés inundados com arcas e frigoríficos avariados. Durante a manhã e tarde desta quinta-feira, foi tempo de limpar o que ficou destruído. As contas às perdas materiais fazem-se depois. Por agora, a esperança é a de que o cair de uma nova noite não traga a destruição da anterior.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários