Governo estuda pagar aposta na mobilidade pedonal e ciclável com impostos de carros

Estratégia Nacional para a Mobilidade Activa Pedonal foi aprovada com dois anos de atrasado e está desde quinta-feira em consulta pública.

Foto
Estratégia tenta inverter um processo crescente de motorização da sociedade portuguesa nas últimas décadas Adriano Miranda

A medida ainda não está desenhada nem a sua fórmula de cálculo. Mas o princípio é pôr quem se desloca em veículos poluentes ou que ocupam mais espaço nas ruas a financiar a melhoria de condições para quem anda a pé e de bicicleta. O Governo vai analisar a possibilidade de usar as receitas dos impostos associados à aquisição e circulação de automóveis para financiar a promoção da mobilidade pedonal e ciclável.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários