Ainda não foi desta

Atrevo-me a dizer que, se não fosse terem ficado consignados na lei de bases, os Sistemas Locais de Saúde teriam sido definitivamente eliminados da face da terra.

Digamos que, entre o necessário e o realizado, o Ministério da Saúde ficou a meio caminho; ou não teve condições políticas para isso – versão benevolente –, ou o meio caminho foi a escolha da ministra. Embora o Governo pudesse ter ido mais longe, não teve a mesma ousadia de há três anos, quando foi aprovada a Lei de Bases da Saúde – BE e PCP estavam lá para puxar pelo Governo.

Sugerir correcção
Comentar