Justiça em tempos de guerra

O anúncio do TPI é um marco. É essencial que as altas patentes e os responsáveis políticos também sejam responsabilizados pelas ordens que deram e pelos crimes que silenciaram.

Vadim Shishimarin, de 21 anos, entrou na pequena sala de audiências, em Kiev, foi colocado numa cela de vidro e disse “sim” quando lhe perguntaram se era culpado. Com a guerra a decorrer, é o primeiro militar russo a responder em tribunal desde que a Rússia invadiu a Ucrânia.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários