Mais de mil pessoas internadas nos hospitais apesar de terem tido alta

Internamentos inapropriados representavam 6,3% do total de pessoas internadas e traduziram-se em mais de 31 mil dias de internamento desadequado, conclui Barómetro dos Internamentos Sociais. Custo pode chegar aos 124 milhões de euros.

Foto
76% dos casos de internamento inapropriado registaram-se em utentes com mais de 65 anos Daniel Rocha

São maioritariamente pessoas acima dos 65 anos e a principal razão é a espera por uma resposta da Rede Nacional de Cuidados Continuados. No dia 16 de Março deste ano, 1048 pessoas mantinham-se internadas nos hospitais apesar de já terem recebido alta clínica, segundo dados da 6ª edição do Barómetro dos Internamentos Sociais, a que o PÚBLICO teve acesso. Um número que representa um aumento de 23% em relação ao ano passado.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários