Uma exposição sobre um mundo em que “tudo está feito para falhar”, mas “nós temos de ser excelentes”

Erro 417: expectativa falhada tem a ver com as pressões que levam ao medo do fracasso, o muitas vezes nocivo (porque desmedido) desejo de sucesso que tende a surgir como antídoto e, ainda, a marginalização de que são alvo corpos não normativos ou vistos como desviantes. Está patente na Galeria Municipal do Porto até 13 de Fevereiro.

arte-contemporanea,exposicao,artes,culturaipsilon,pintura,porto,
Fotogaleria
As três frases da artista brasileira Hilda de Paulo. No chão, a promessa de uma vida melhor nas raspadinhas da obra de Xavier Paes
arte-contemporanea,exposicao,artes,culturaipsilon,pintura,porto,
Fotogaleria
Alice dos Reis, "See you later Space Island"
arte-contemporanea,exposicao,artes,culturaipsilon,pintura,porto,
Fotogaleria
Fotografia de Daniela Ângelo e obra de Odete, "The scythe is a crescent moon" no espaço da Galeria Municipal do Porto

Marta Espiridião tinha apenas cinco anos quando se deu a Expo-98, mas lembra-se bem do evento que comemorou os 500 anos dos Descobrimentos e, através de um investimento considerável na construção de infra-estruturas, reabilitou o agora designado Parque das Nações. A jovem curadora, que cresceu em Benavente, vila pertencente ao distrito de Santarém, deslocou-se a Lisboa quase uma dezena de vezes para assistir a vários dos seus eventos, entre exposições e espectáculos de rua. “A experiência marcou-me imenso: uma menina do campo dentro da Expo é outra coisa”, recorda ao PÚBLICO.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários