Alta Velocidade Ferroviária: à custa de Coimbra?

É tecnicamente incompreensível e socialmente inaceitável que uma solução estratégica, em devido tempo estudada e consensualizada nacional e regionalmente, seja liminarmente abandonada e substituída por outra, sem que sejam apresentados estudos técnicos inequívocos e credíveis que suportem essa nova opção.

Veio recentemente a público a intenção governamental de relançamento do projeto da alta velocidade (AV) entre Lisboa e o Porto, tendo Coimbra sido surpreendida com a total indefinição sobre o que defendem os seus governantes locais, ao mesmo tempo que se passa a mensagem de que nada está estudado ou assumido.

Sugerir correcção
Ler 4 comentários