Covid-19 em Portugal: número de internados em cuidados intensivos atinge novo máximo

Estão internadas 526 pessoas em unidades de cuidados intensivos, mais dez em relação ao dia anterior, o que representa um novo máximo. Morreram mais 67 pessoas que estavam infectadas com o novo coronavírus e registaram-se 5444 novos casos de infecção.

Foto
Há 3208 pessoas internadas com covid-19 Paulo Pimenta

Portugal registou mais 67 mortes por covid-19 e 5444 casos de infecção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direcção-Geral da Saúde (DGS) divulgado nesta sexta-feira (mas referente à totalidade do dia de quinta-feira). No total, o país contabiliza 4276 óbitos e 285.838 infecções.

Estão internadas 3208 pessoas (mais 16 do que no dia anterior), das quais 526 em unidades de cuidados intensivos (mais dez). O número de internados volta a subir, depois de dois dias consecutivos a descer, enquanto o número de doentes em cuidados intensivos representa um novo máximo desde o início da pandemia. No dia anterior, este valor tinha diminuído pela primeira vez, após 13 dias a subir.

O total de pessoas que recuperaram subiu para 199.446 (mais 5502). Há 82.116 casos activos (menos 125) – número que resulta da subtracção dos recuperados e dos óbitos ao total de infecções.

Dos novos casos, 3161 (58,1%) foram identificados na região Norte, onde morreram 39 pessoas no último dia. Na região de Lisboa e Vale do Tejo registaram-se 1380 novos casos (25,4%) e ocorreram 15 mortes. Morreram oito pessoas no Centro, três no Algarve e duas no Alentejo.

A taxa de letalidade global em Portugal é de 1,5%. Cerca de 87,6% das pessoas que morreram com covid-19 no país tinham mais de 70 anos: 3745. Nestas faixas etárias morreram, no último dia, nove homens e seis mulheres entre os 70 e os 79 anos e 19 homens e 27 mulheres com mais de 80 anos. Na faixa etária dos 50 aos 59 anos morreram duas pessoas (um homem e uma mulher); e, com idades entre os 60 e os 69 anos, morreram quatro pessoas (três homens e uma mulher).

O Norte tem o maior número de casos de infecção: 149.704. Seguem-se Lisboa e Vale do Tejo (95.392), o Centro (28.050, mais 631), o Alentejo (5799, mais 136) e o Algarve (5126, mais 90). Os Açores registam 914 infecções (mais 35) e a Madeira 853 (mais 11).

O maior número de mortes por covid-19 ocorreu no Norte: 2024. Surgem depois Lisboa e Vale do Tejo (1533), Centro (545), Alentejo (108), Algarve (47), Açores (17) e Madeira (duas).