direitos-animais,gouveia,guarda,ministerio-publico,gnr,crime,
Nelson Garrido
Reportagem

Dona de canil acusada de maus tratos mantém ainda 100 animais noutro terreno

Dona de abrigo para animais em Gouveia é acusada de maus-tratos e quebra de contrato com a proprietária do terreno que o sustenta. Apesar de um outro canil que geria ter sido fechado, mantém outro espaço que acumula 103 cães sem permitir a adopção.

Liliana dos Santos, proprietária do canil Cantinho da Lili a quem foram retirados 23 cães em Setembro de um terreno em São Paio, em Gouveia —, é acusada de negligência para com os outros 103 animais que alberga, e de quebra do contrato de promessa de compra e venda do terreno onde o canil se encontra, em Moimenta da Serra, no mesmo concelho. As acusações partem de Lurdes Perfeito, a proprietária do terreno, que o pretende reaver, e da comunidade que vem denunciando a controvérsia que considera rodear o canil.