Militares planeiam a 15 dias gestão das camas na ARS de Lisboa

A 9 de Novembro abre o segundo andar para doentes não graves de covid no Hospital Militar de Belém, aumentando as camas de 30 para 60.

coronavirus,joao-gomes-cravinho,ministerio-defesa,forcas-armadas,politica,servico-nacional-saude,
Foto
Efectivos militares em acção de desinfecção Nuno Ferreira Santos

Através de um novo modelo matemático, três militares estão a trabalhar com a Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo na gestão da previsão de camas covid-19 e da taxa de esforço de cada hospital daquela região.