Austrália salva baleias-piloto encalhadas em bancos de areia na Tasmânia — cerca de 90 animais já morreram

Cerca de 90 das 270 baleias-piloto morreram desde que foram avistadas nas margens de Macquarie Heads. As equipas de resgate já conseguiram salvar 25 animais.

Equipas de resgate da Austrália salvaram esta terça-feira 25 baleias-piloto que ficaram encalhadas em bancos de areia na ilha da Tasmânia, no sul do país. O objectivo é conseguir salvar mais animais nos próximos dias. 

Cientistas do Governo dizem que cerca de 90 das 270 baleias-piloto morreram desde que foram avistadas do ar, em águas pouco profundas ao largo da costa, na segunda-feira. O resgate decorre nas margens de Macquarie Heads, uma área florestal protegida, informou o Governo regional da Tasmânia.

Mais de 60 pessoas estão envolvidas nos trabalhos de salvamento, incluindo pescadores locais e voluntários. Usam fatos de mergulho e trabalham em turnos para evitar a hipotermia.

Na quarta-feira será divulgado um novo balanço do número de baleias que morreram, mas os especialistas esperam conseguir resgatar mais animais. “Estamos a concentrar-nos em ter o maior número possível de sobreviventes”, garantiu o biólogo Kris Carlyon, citado pela Reuters.

PÚBLICO -
Bilal Rashid via REUTERS
PÚBLICO -
Bilal Rashid via REUTERS
PÚBLICO -
AAP Image/The Advocate Pool, Brodie Weeding via REUTERS
PÚBLICO -
AAP Image/The Advocate Pool, Brodie Weeding via REUTERS
PÚBLICO -
AAP Image/The Advocate Pool, Brodie Weeding via REUTERS
PÚBLICO -
AAP Image/The Advocate Pool, Brodie Weeding via REUTERS
Fotogaleria
Bilal Rashid via REUTERS

Situação não é nova

Não é a primeira vez que um grupo de baleias fica preso nas praias da Austrália por motivos que os especialistas desconhecem.

Em incidentes anteriores, a comunidade científica considerou a possibilidade de as baleias chegarem à costa atraídas pelos sonares de grandes navios ou guiadas por um líder de grupo desorientado devido a alguma doença. Alguns especialistas acreditam que são animais sociais e se um deles comete um erro e entra em águas rasas, é seguido pelos demais.

No norte da Austrália, uma baleia corcunda conseguiu nadar por canais rasos na ampla foz do rio East Alligator e voltar ao Golfo de Van Diemen no fim-de-semana, disse o responsável do Parque Nacional de Kakadu, Feach Moyle.

Um grupo de velejadores recreativos havia avistado três baleias perdidas em 2 de Setembro, a mais de 20 quilómetros da foz do rio. Duas das baleias desapareceram antes da chegada das autoridades responsáveis pela vida selvagem, uma semana depois.

Sugerir correcção