Podence e Pedro Neto assistem na vitória do Wolverhampton em Sheffield

Além de Podence e Neto, foram titulares nos “wolves” os compatriotas João Moutinho e Rui Patrício, enquanto Rúben Neves e o estreante Vitinha foram suplentes utilizados. Rúben Vinagre, Diogo Jota e Fábio Silva não foram opção.

Jogadores do Wolverhampton celebram em Sheffield
Foto
Jogadores do Wolverhampton celebram em Sheffield LUSA/Peter Powell / Pool

O Wolverhampton, treinado pelo português Nuno Espírito Santo, iniciou nesta segunda-feira a campanha na Liga inglesa com um triunfo (2-0) em casa do Sheffield United, num encontro que teve assistências para golo de Daniel Podence e Pedro Neto.

A entrada a todo ao “gás” dos “wolves” na partida da primeira jornada foi suficiente para assegurar os três pontos, graças aos golos do mexicano Raúl Jiménez, logo aos três minutos, servido por Daniel Podence, e do defesa marroquino Romain Saiss (6'), após ser assistido por Pedro Neto, na cobrança de um pontapé de canto.

A equipa dos portugueses poderia ter colocado um ponto final nas aspirações dos locais - cuja melhor oportunidade foi uma bola ao poste de John Fleck (52') -, mas desperdiçou pelos pés de Jiménez, numa recarga a um remate ao ferro de Saiss, e num “míssil” de Adama Traoré, acabando por proteger a vantagem de dois golos.

Além de Podence e Neto, foram titulares nos “wolves” os compatriotas João Moutinho e Rui Patrício, enquanto Rúben Neves e o estreante Vitinha foram suplentes utilizados. Rúben Vinagre, Diogo Jota e Fábio Silva não foram opção.

Numa jornada em que seis dos oito jogos realizados acabaram com o triunfo da equipa visitante (o Manchester City-Aston Villa e o Burnley-Manchester United foram adiados), o Chelsea impôs-se no terreno do Brighton & Hove Albion, por 1-3. 

No segundo encontro do dia de ontem, os “blues” adiantaram-se no marcador por Jorginho, de grande penalidade (23’), antes de o Brighton (que terminou a partida com mais posse de bola que os londrinos) empatar, já depois do intervalo (54’), por Trossard.

A igualdade só durou, porém, dois minutos. Reece James marcou de seguida, com um remate de fora da área, e aos 66’ providenciou a assistência para Kurt Zouma fechar o resultado.

Sugerir correcção