Governo propôs protecção policial a deputadas ameaçadas

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, foi “intermediário” no contacto com as deputadas. Alexandre Guerreiro, analista de segurança e ex-membro das secretas, disse ao PÚBLICO que a “situação é muito grave” e “nunca pode ser tratada como histeria”.

extremadireita,racismo,politica,policia-judiciaria,be,governo,
Foto
O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, fez de "intermediário" no contacto com as deputadas Rui Gaudencio

O Governo contactou as deputadas Joacine Katar Moreira (não inscrita), Mariana Mortágua e Beatriz Gomes Dias (do BE) e propôs-lhes protecção policial especial na sequência das ameaças de que foram alvo. O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, foi “intermediário” na oferta, confirmou o mesmo ao PÚBLICO, remetendo todos os esclarecimentos para o Ministério da Administração Interna (MAI). O BE não confirmou. Katar Moreira não reagiu às tentativas de contacto do PÚBLICO.