Covid-19: recolha selectiva de resíduos porta a porta em Lisboa retomada a 1 de Junho

A recolha selectiva porta a porta foi suspensa em Março para proteger trabalhadores do coronavírus. Recomeça na próxima segunda-feira. A recolha de lixo indiferenciado mantém-se três vezes por semana.

camara-lisboa,local,lisboa,ambiente,residuos,reciclagem,
Foto
Nuno Ferreira Monteiro

A recolha selectiva de resíduos porta a porta na cidade de Lisboa vai ser retomada a partir de 1 de Junho, mais de dois meses depois da interrupção do serviço devido à pandemia de covid-19.

“Vamos retomar esta recolha a partir de 1 de Junho”, disse o vereador responsável pelo pelouro da Higiene Urbana, Carlos Castro, durante a reunião da Assembleia Municipal de Lisboa que decorreu na terça-feira por videoconferência.

A decisão de suspensão da recolha porta a porta de papel e plástico foi anunciada em 20 de Março pelo município, que informava que passariam apenas a ser recolhidos os resíduos indiferenciados três vezes por semana de modo a “garantir a protecção da saúde pública e dos trabalhadores envolvidos nas operações de recolha e tratamento de resíduos e, em simultâneo, controlar os factores de disseminação da doença e contágio por covid-19”.

“Não terminámos com a recolha selectiva, apenas por uma questão de precaução tivemos de fazer esta paragem na recolha porta a porta”, disse.

Quando for retomada a recolha selectiva de resíduos, em 1 de Junho, a recolha de lixo indiferenciado continuará a realizar-se três vezes por semana.

Durante o período em que a recolha selectiva de resíduos porta a porta foi interrompida, a Câmara de Lisboa manteve a recolha de resíduos para reciclagem nos ecopontos e eco-ilhas existentes na cidade.

Sugerir correcção