Sol veio para ficar e as temperaturas vão continuar a subir até aos 35ºC

A partir de domingo, as temperaturas máximas vão variar entre os 30ºC e os 35ºC na maior parte do território continental. De acordo com a meteorologista Maria João Frada, “é muito provável que se vá verificar uma onda de calor em muitas estações do território do continente”.

Portugal
Foto
O bom tempo vai continuar pelo menos até ao final de Maio Nuno Ferreira Santos

As temperaturas máximas vão voltar a subir a partir do fim-de-semana, com o calor a manter-se pelo menos até ao final do mês. Até lá, o céu limpo e as temperaturas entre os 25 e os 30 graus Celsius vão continuar em todo o território continental, na semana em que o país entrou na segunda fase do plano de desconfinamento, e que inclui a abertura das praias.

A meteorologista Maria João Frada, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), explica que o actual cenário meteorológico deve manter-se até 23 de Maio, com ligeiras subidas nas temperatura máxima em alguns locais, com excepção do litoral oeste, onde deverá verificar-se a partir de quarta-feira “uma pequena descida das máximas”.

A temperatura vai subir na generalidade do país a partir de domingo, 24 de Maio, devido a “uma corrente de leste” que trará uma “massa de ar continental mais quente”. Está previsto que os termómetros marquem máximas entre os 30ºC e os 35ºC e mínimas entre os 18ºC e os 20ºC,​ pelo menos até à próxima quinta-feira, 28 de Maio. As previsões mais alargadas indicam ser provável que este cenário se mantenha “no início de Junho”.

Maria João Frada realça que as temperaturas “já estão acima da média” registada nesta altura do ano (tendo em conta os últimos 30 anos), mas que já se trata de uma “situação normal” para a segunda quinzena de Maio. “Normalmente há oscilação entre episódios em que a temperatura é acima da média, como o que estamos a assistir agora, com outros em que a temperatura é abaixo da média.”

De acordo com a meteorologista, “é muito provável que se vá verificar uma onda de calor em muitas estações do território do continente, talvez com excepção mais do litoral”. Uma onda de calor é declarada quando, durante pelo menos seis dias consecutivos, a temperatura máxima diária é pelo menos 5ºC superior ao valor médio diário no período de referência.

Lisboa com 31 graus no domingo. No Algarve termómetros chegam aos 33

Em Lisboa, a máxima vai chegar aos 31ºC no domingo, 24 de Maio, e não volta a baixar dos 30ºC até dia 28. Já no Porto, está previsto que a temperatura máxima não passe dos 22ºC até sábado, sempre com nuvens altas ou céu parcialmente nublado. A partir de domingo, a máxima vai variar entre os 25ºC e os 27ºC.

Em Beja, Évora e Santarém, as previsões apontam para temperaturas entre os 28ºC e os 30ºC até domingo e uma subida a partir daí em alguns dos seus concelhos, com os termómetros a poderem chegar aos 37ºC em alguns locais, como a Golegã.

O litoral sul do Algarve é a única zona do país que não deverá verificar uma subida da temperatura a partir de 24 de Maio. Ainda assim, as temperaturas já estão altas, com máximas acima dos 30ºC, chegando aos 33ºC no sábado.

No centro do país, Coimbra vai chegar aos 26ºC no sábado, com as máximas a subirem a partir de domingo, chegando aos 33ºC durante a próxima semana. Na Guarda, as previsões também apontam para uma subida da temperatura, mas em valores mais baixos: um aumento dos 25ºC  esta semana para 28ºC na seguinte.