A viúva de um militante checheno do Daesh com o filho num campo de refugiados em Mossul
Laila Gazieva, viúva de um militante checheno do Daesh, com o filho Obaida ao colo Azad Lashkari/Reuters

Vítimas esquecidas: as crianças do Daesh

Mais de mil crianças estrangeiras, filhas de combatentes do Daesh e das suas mulheres, foram apanhadas na engrenagem da Justiça iraquiana. Algumas, com apenas nove anos, enfrentam acusações judiciais.

Os corredores do Tribunal Central de Rusafa, em Bagdad, estavam cheios de crianças no dia em que as suas mães foram a julgamento. No final, as crianças desapareceram outra vez nas prisões para mulheres onde viveram no último ano e meio. Dormem em finos colchões em celas a abarrotar, desocupados, famintos e muitas vezes doentes.