Berlinale
Foto
Berlinale

Filme “Balada de um Batráquio” premiado em Hong Kong

Filme de Leonor Teles venceu o prémio de melhor curta metragem no festival internacional de cinema de Hong Kong

O filme "Balada de um Batráquio", de Leonor Teles, venceu este sábado o prémio de melhor curta metragem no festival internacional de cinema de Hong Kong, depois de ter sido distinguido no mês passado em Berlim.

"'Balada de um Batráquio' lembra-nos o poder do cinema para ser livre, criativo e de falar aos oprimidos", considerou o júri, segundo a informação divulgada pela organização do festival. O júri destacou "a narrativa inteligente e profunda" de "um filme aparentemente simples", que articula "uma mensagem humanista importante com humor".

O filme expõe comportamentos xenófobos em relação a membros da etnia cigana em Portugal, abordando a prática de colocar sapos de cerâmica em lojas, cafés e restaurantes para afastar os ciganos, que têm várias superstições ligadas ao animal.

PÚBLICO -
Foto
Filme venceu o Firebird Award da secção de curtas metragens Hong Kong International Film Festival

A curta-metragem venceu o Firebird Award da secção de curtas metragens do festival de cinema, depois de a 20 de Fevereiro ter sido premiado com o Urso de Ouro da competição de curtas-metragens do Festival Internacional de Cinema de Berlim.

Segundo Leonor Teles, que tem raízes ciganas por parte do pai, o filme "não apresenta só uma problemática mas tenta, de certa forma, combatê-la", uma vez que a própria realizadora sentiu a "urgência" de destruir vários desses sapos em frente à câmara. Fundado em 1976, o festival internacional de cinema de Hong Kong (HKIFF na sigla em inglês) é o mais antigo festival de cinema da Ásia e um dos mais reputados.