Guiné Equatorial falta a reunião da CPLP

Ausência surpreendeu presidência timorense.

Foto
Teodoro Obiang, Presidente da Guiné Equatorial Amr Abdallah Dalsh/Reuters

"Não temos informação nem indicação das razões para não ter marcado presença na reunião", disse o ministro timorense Estanislau Aleixo da Silva, no final da segunda reunião extraordinária de ministros dos Assuntos do Mar, que decorreu em Lisboa.

O responsável salientou, no entanto, que "ontem, [sexta-feira], [o representante da Guiné Equatorial] esteve presente em Belém, fez uma intervenção como membro da CPLP", referindo-se ao encontro da Semana Azul, que decorreu na passada sexta-feira, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

A Guiné Equatorial aderiu à CPLP no Verão do ano passado, tendo sido muito criticada a sua entrada, nomeadamente pelo seu desempenho em termos de direitos humanos e por a língua portuguesa não ser falada no país.

Sugerir correcção
Comentar