Serviço da CP para Coruche é hoje reactivado

Foto
O preço do bilhete entre Coruche e Santa Apolónia será de 6,40 euros Publicidade

Durante uma semana viajar-se-á de graça na linha da CP entre Coruche e Setil

a Uma hora e meia entre Coruche e Lisboa. Com um transbordo no Setil (concelho de Cartaxo). É esta a proposta da CP para o novo serviço que hoje se inaugura com a presença da secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, e que contempla uma campanha de promoção com direito a viagens à borla durante toda a semana entre Coruche e Setil.O regresso dos comboios de passageiros àquela cidade ribatejana ocorre quatro anos depois da CP ter substituído as velhas automotoras que circulavam na Linha de Vendas Novas por um serviço rodoviário de substituição.
Agora, após insistência das câmaras de Coruche, Cartaxo e Salvaterra de Magos, foi feita uma parceria entre aqueles municípios e a CP para a partilha das receitas e despesas do serviço ferroviário. Por mês, a transportadora pública deverá suportar metade dos 49 mil euros mensais que custará levar o comboio de Setil a Coruche com dez circulações diárias. A outra metade será paga pelas três câmaras em partes iguais. O mesmo acontecerá com as receitas. Em Janeiro de 2005, quando o serviço foi encerrado, a Linha de Vendas Novas proporcionava à CP receitas inferiores a 550 euros por mês.
Agora, porém, os cinco comboios diários de passageiros que voltam a apitar na estação de Coruche (o serviço de mercadorias sempre se manteve) terão ligações asseguradas à Linha do Norte no Setil, podendo a viagem para Lisboa ser feita em cerca de uma hora e meia. Os tempos de espera variam entre cinco a dez minutos para Lisboa e um pouco mais para quem quiser seguir viagem na direcção contrária para Santarém e Entroncamento.
Mais comodidade
Por outro lado, em vez da velha automotora dos anos 50, o novo serviço será assegurado por uma Unidade Tripla Eléctrica, que, sendo igualmente antiga, foi alvo de uma remodelação e possui agora ar climatizado, informação digital para os passageiros, melhores sistemas de segurança e um exterior com um design mais moderno. Os ferroviários chamam-lhes "Lili Caneças" por estas automotoras terem uma estrutura de décadas e serem novas por fora.
Para reactivar este serviço foi necessário um investimento, por parte da Refer, de apenas 430 mil euros. Grosso modo, bastou altear as plataformas das estações de Coruche, Marinhais e Muge e requalificar os seus espaços envolventes, adaptando-os a estacionamento e melhorando a iluminação. Numa segunda fase, será requalificado o apeadeiro do Morgado (Cartaxo).
Para a CP e para as autarquias, de acordo com um documento conjunto, o objectivo é "promover a utilização do transporte ferroviário em substituição do individual nas relações diárias com Lisboa". Cardoso dos Reis, presidente da CP, disse ao PÚBLICO que estava confiante neste novo serviço e sublinhou que esta parceria entre a sua empresa e três municípios é um bom exemplo que poderia também ser aplicado noutras linhas do país, nomeadamente nas de via estreita. "Porque não juntar as câmaras todas das linhas do Tâmega, do Corto e do Tua e fazer um acordo idêntico?", sugeriu, dando ainda o exemplo do Comboio Frequente, um projecto que pretende aumentar a frequência do serviço ferroviário na Linha do Vouga e envolve os municípios de S. João da Madeira, Oliveira de Azeméis e Santa Maria da Feira.
O preço de um bilhete entre Coruche e Lisboa será de 6,40 euros, mas durante esta semana as viagens serão gratuitas entre Coruche e o Setil.
laorper esendio senim quatis essed tat exeril etuer in vulla aliquip scinciniamet lum dionulput adigna autpatum do consectet alismod lorem er sequipit, secte dolore veriure vulla consenim iustie veraessenibh et vel ip eugait iriurer sequis at, sit wis nullam, quat inibh ectet, con vullum ver sent nos enit vulpute facilisit praessed ercidunt luptat amcommy nonum zzrit lummolutpat vel ea autat.
Ut iuscincidunt vulputatuer sum dolor il er sit wissit iurem delit dolum quat, sum duiscin ut vel iusci ea alit alit luptatu raessi bla autat. Duisis deliquat ipsum eum aute ming ea commodi nullaore Lortio od exerosto del iusciduip ea feu facilit alit lor si.Loreet lobortinis augue dolorpeFacip esendipit venis nim diamcon
essed tat exeril etuer in vulla aliquip scinciniamet lum dionulput adigna autpatum do consectet alismod lorem er sequipit, secte dolore veriure vulla consenim iustie veraessenibh et vel ip eugait iriurer sequis at, sit wis nullam, quat inibh ectet, con vullum ver sent nos enit vulpute facilisit praessed ercidunt luptat amcommy.
Ut iuscincidunt vulputatuer sum dolor il er sit wissit iurem delit dolum quat, sum duiscin ut vel iusci ea alit alit luptatu raessi bla autat. Duisis deliquat ipsum eum aute ming ea commodi nullaore Lortio od exerosto del iusciduip ea feu facilit alit lor si.Loreet lobortinis augue dolorpero do od do dolore feuisi bla feuguer ilisit.Lorerit niamcommy nit nosto ero conulla amet adigna feum dolore modolor incil ea consend piscinim autpat.
Lore et prat. Ut lore dolore dions dolendio coreet inim zzrit ulla alit dolutat.Loreriu ciliquate faci tinibh ex et vel illa faciliquat lutem nibh essequat, quam duissenim dolenis equatueros atum augiat praestrud ea faccum dolum do con et nullan ea alisit luptatet nullam eniam nummy nulluptat, volumsa diamet lor adit vel ullamco ullum et acil ulla aci tisim velenis aliquam onsequat vel dolore min henisci blaore delisi. Lor adions nisis nos do enisit ing elesequis amconse tetum zzrilit alit illum qu