O top 100 dos grandes portugueses

Adelaide Cabete Médica e importante feminista do início de século XX (1867 - 1935) Afonso Augusto Costa Republicano responsável pela separação Estado - Igreja (1871-1937)
Afonso de Albuquerque Afirmou Portugal na expansão no Oriente (1462-1515)
D. Afonso Henriques Primeiro rei de Portugal e fundador da nacionalidade (1111-1185)
D. Afonso II Planeou a expansão marítima e o Tratado de Tordesilhas (1455-1495)
Agostinho da Silva Filósofo que defendia a liberdade do Homem (1906-1994)
Alberto João Jardim Presidente do Governo Regional da Madeira desde 1978 (1943-)
Alfredo da Silva Industrial que criou empresas como CUF, Lisnave e Carris (1871-1942)
Almeida Garret Escritor de Viagens na Minha Terra e impulsionador do teatro (1799-1854)
Álvaro Cunhal Antigo líder comunista, símbolo da luta contra o salazarismo (1913-2005)
Álvaro Siza Viera Arquitecto famoso e consagrado internacionalmente (1933-)
Amália Rodrigues A voz que projectou o fado para o mundo (1920-1999)
Padre Américo Filantropo do século XIX, criou a instituição Casa do Gaiato (1887-1953)
Aníbal Cavaco Silva Actual Presidente da República (1939-)
Antónia Adelaide Ferreira A Ferreirinha, empresária vinhateira e filantropa (1811-1896)
Padre António Andrade Andou em missão religiosa na Índia no século XVII
António Champalimaud Industrial e empresário da banca (1918-2004)
António Damásio Cientista, desenvolveu a teoria do "cérebro emocional" (1944-)
António Egas Moniz Neurologista, Nobel da Medicina de 1949 (1874-1955)
António Lobo Antunes Escritor premiado em Portugal e no estrangeiro (1942-)
António Oliveira Salazar Político fundador do Estado Novo (1889 - 1970)
António Teixeira Rebelo Fundador do Colégio Militar (1748-1825)
António Variações Compositor e músico português dos anos 80 (1944-1984)
Padre António Vieira Maior orador do país, com cerca de 200 sermões (1608-1697)
Aristides de Sousa Mendes Diplomata, ajudou judeus a entrar no país (1885-1954)
Bartolomeu Dias Primeiro navegador a dobrar o cabo da Boa Esperança (1450-1500)
Belmiro de Azevedo Empresário e presidente do grupo Sonae (1938-)
Brites de Almeida A Padeira de Aljubarrota que ajudou a vencer a batalha de 1385
D. Carlos I Rei que colocou o país no centro da diplomacia europeia (1863-1908)
Carlos Lopes Vencedor de várias medalhas olimpíadas em atletismo (1947-)
Carlos Paredes Guitarrista (1925-2004)
Catarina Eufémia Trabalhadora rural que reivindicava melhores condições (1928-1954)
Cristiano Ronaldo Futebolista da selecção nacional, joga no Manchester (1985-)
Damião de Góis Historiador, filantropo e humanista do renascimento português (1502-1574)
D. Dinis Rei conhecido por O Lavrador por mandar plantar o pinhal de Leiria (1261-1325)
Eça de Queirós Escritor com vasta obra publicada, como Os Maias ou O Primo Basílio (1845-1900)
Edgar Cardoso Engenheiro de pontes no Porto e da extensão do aeroporto da Madeira (1913-2000)
Eusébio Um dos maiores futebolistas nacionais, apelidado de Pantera Negra (1942-)
Fernando Nobre Médico, fundador e presidente em Portugal da AMI (1951-)
Fernando Pessoa Poeta do Modernismo, criou vários heterónimos como Álvaro de Campos (1888-1935)
Fernão de Magalhães Navegador que fez a viagem de circun-navegação (1489-1521)
Fernão Mendes Pinto Escreveu a Peregrinação, roteiro das suas viagens (c.1510-1583)
Florbela Espanca Poetisa, abordava a paixão, a feminilidade, a morte, e a Natureza (1894-1930)
Fontes Pereira de Melo Estadista e engenheiro militar, abriu estradas e vias-férreas (1819-1887)
Francisco Sá Carneiro Fundador do Partido Popular Democrata (PPD) (1934-1980)
Gago Coutinho Fez a primeira travessia aérea do Atlântico Sul, Lisboa-Rio de Janeiro (1869-1959)
António Gentil Martins Médico conhecido pela separação de siameses na década de 80.
Gil Vicente Compositor, encenador, dramaturgo e actor, tido como o pai do teatro nacional (c.1465-1536)
Hélio Pestana Actor de novelas da TVI (1985-)
Infante D. Henrique Mentor da expansão ultramarina portuguesa (1394-1460)
Herman José Humorista de TV com 30 anos de carreira (1954-)
Humberto Delgado O General sem Medo pela oposição a Salazar (1906-1965)
João Ferreira Annes d"Almeida Traduziu a Bíblia para português (c1628-1691)
D. João I Mestre de Avis, garantiu a independência em relação a Espanha (1357-1433)
D. João II O Príncipe Perfeito assinou o Tratado de Tordesilhas (1455-1495)
D. João IV Restaurou a independência nacional face a Espanha. (1604-1656)
Joaquim Agostinho Ciclista com triunfos nacionais e internacionais (1943-1984)
Jorge Nuno Pinto da Costa Presidente do FCPorto desde há 25 anos (1937-)
Jorge Sampaio Político socialista, ex-Presidente da República (1939-)
José de Almada Negreiros Artista multidisciplinar da geração modernista (1893-1970)
José Hermano Saraiva Antigo ministro da Educação, embaixador e historiador (1919-)
José Mourinho Treinador de futebol (1963-)
José Saramago Romancista, poeta. Nobel da Literatura em 1998 (1922-)
José Sócrates Primeiro-ministro (1957-)
D. Leonor Rainha de 1371 a 1383 (1350-1386)
Irmã Lúcia Pastorinha que terá visto Nossa Senhora, em Fátima, em 1917 (1907-2005)
Luís de Camões Considerado o maior poeta português, autor de Os Lusíadas (c.1524-1580)
Luís Figo Futebolista internacional (1972-)
D. Manuel I Continou a expansão marítima para a Índia e Brasil (1469-1521)
Manuel Barbosa du Bocage Poeta nascido em Setúbal em 1765 (morreu em Lisboa em 1805).
Manuel Sobrinho Simões Médico e investigador, dirige o Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (1947-)
Marcello Caetano Último presidente do Conselho de Ministros do Estado Novo (1906-1980)
Maria de Lurdes Pintasilgo Política (1930-2004), foi primeira-ministra do V Governo Constitucional (Agosto-Dezembro 1979).
Maria do Carmo Seabra Ministra da Educação de Santana Lopes (1955-)
Maria Helena Vieira da Silva Pintora reconhecida internacionalmente, nascida em 1908
D. Maria II O seu reinado ficou marcado pela passagem do absolutismo ao constitucionalismo e pelo estabelecimento do ensino primário gratuito.
Maria João Pires Pianista
Mário Soares Ex-primeiro-ministro e ex-Presidente da República (1924-)
Mariza Fadista nascida em Moçambique (1973) mas criada na Mouraria.
Miguel Torga Escritor (1907-1995). Formou-se em Medicina, mas publicou cerca de 50 obras literárias
Natália Correia Intelectual e activista (1923-1993) de origem açoriana.
Nuno Álvares Pereira Militar (1360-1431). A vitória na batalha de Aljubarrota foi o seu momento de glória.
Otelo Saraiva de Carvalho Estratego da Revolução do 25 de Abril (1936-)
Paula Rego Pintora, considerada, em Inglaterra, um dos quatro melhores pintores vivos do mundo (1935-)
Pedro Álvares Cabral Navegador que descobriu o Brasil em 1500
Pedro Hispano João XXI, o único papa português (1205-1277).
Pedro Nunes Matemático e cosmógrafo, inventou o nónio (1502-1578)
Rainha Santa Isabel Rainha consorte de Portugal, casada com D. Dinis (1271-1336)
Ricardo Araújo Pereira O mais conhecido dos Gato Fedrorento
Rosa Mota Medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988.
Ruy de Carvalho Actor (1927-)
Salgueiro Maia Militar, capitão de Abril (1944-92)
Santo António Franciscano, pensador e patrono de Lisboa (1195-1231)
Sebastião José de Carvalho e Melo Marquês de Pombal, ministro absolutista (1699-1782)
Sophia de Melo Breyner Andresen Poeta portuense (1919-2004)
Sousa Martins Médico e cientista (1843-1897)
Vasco da Gama Navegador, fez a primeira viagem marítima para a Índia (1468-1524)
Vasco Gonçalves Militar e político, foi membro do MFA (1921-2005)
Vítor Baía Guarda-redes do FCPorto, é o futebolista com mais títulos do mundo (1969-)
Zeca Afonso Cantor de intervenção, aliou a tradição musical ao combate político (1929-1987)
A RTP anunciou ontem a lista das 100 personalidades mais votadas pelo público no âmbito do programa Os Grandes Portugueses, que irá eleger o maior português de sempre. Os nomes serão divulgados por ordem decrescente de votos em dois programas, sábado e domingo, apresentados por Maria Elisa, gravados no Palácio Nacional da Ajuda, Museu de Arte Antiga e Casa da Música. "Haverá minibiografias da maioria dos nomes. Será uma larga retrospectiva da nossa história", diz a jornalista. Os dez mais votados serão anunciados por ordem alfabética, e a votação para o maior abre às 00h de dia 15. Sobre cada um dos dez "grandes portugueses" está a ser feito um documentário de 50 minutos que inclui a sua biografia e cuja apresentação estará a cargo de um defensor - figuras conhecidas, "com estreita a ligação essa personalidade e grande capacidade de comunicação". Dia 21 realiza-se um debate com Maria Elisa e um grupo de convidados. A revelação do nome do maior português de sempre terá lugar em Março.