Piscina, ginásio e uma cama presidencial: habitantes do Sri Lanka ocupam residências de luxo dos governantes

Manifestantes invadiram o palácio do Presidente e a residência oficial do primeiro-ministro do Sri Lanka. Desde então, entre mergulhos na piscina e churrascos no jardim, é como se estivessem em casa.

Um homem está de pé na piscina enquanto as pessoas visitam a casa do Presidente Gotabaya Rajapaksa, um dia após a entrada dos manifestantes no edifício, e da fuga do Presidente. Reuters/DINUKA LIYANAWATTE
Fotogaleria
Um homem está de pé na piscina enquanto as pessoas visitam a casa do Presidente Gotabaya Rajapaksa, um dia após a entrada dos manifestantes no edifício, e da fuga do Presidente. Reuters/DINUKA LIYANAWATTE

No sábado, 9 de Julho, milhares de manifestantes romperam as barreiras policiais e invadiram o palácio do Presidente Gotabaya Rajapaksa e a residência oficial do primeiro-ministro Ranil Wickremesinghe, em Colombo, no Sri Lanka, 

As fotografias que têm surgido desde então mostram a população a desfrutar do espaço. Mergulhos na piscina, um churrasco no jardim e uma restauradora sesta no colchão presidencial têm sido algumas das actividades a que os visitantes aderem. Sem esquecer, é claro, de uma passagem pelo ginásio e uma selfie na sala de conferências.

"Nunca vi um lugar como este na minha vida", disse B.M. Chandrawathi, à Reuters. A vendedora de lenços de bolso, de 61 anos, trouxe a filha e os netos ao palácio, depois da invasão do edifício. Sobre os líderes, Chandrawathi atesta: "Eles desfrutaram de um luxo imenso enquanto nós sofremos".

Tanto o presidente como o primeiro-ministro concordaram em abandonar o cargo, após o protesto que exigia a demissão de Rajapaksa, considerado responsável pela crise económica sem precedentes que atingiu o Sri Lanka e está a causar uma inflação galopante, e faltas graves de combustíveis, electricidade e alimentos. Ainda assim, os manifestantes dizem que vão continuar nos edifícios até haver uma confirmação oficial da demissão do Presidente.

Texto editado por Amanda Ribeiro

Pessoas esperam para visitar a casa do Presidente.
Pessoas esperam para visitar a casa do Presidente. Reuters/DINUKA LIYANAWATTE
Esta segunda-feira (11), dois dias depois das invasões às residências, as pessoas tiram fotografias dentro da residência oficial do primeiro-ministro em Colombo, Sri Lanka.
Esta segunda-feira (11), dois dias depois das invasões às residências, as pessoas tiram fotografias dentro da residência oficial do primeiro-ministro em Colombo, Sri Lanka. EPA/CHAMILA KARUNARATHNE