A arte e o luxo

O que é que assume a condição de luxo em estado puro, isto é, que só tem valor de troca e nenhum valor de uso? Respondamos, sem hesitações: a arte.

Através de uma entrevista no Diário de Notícias a José Neves (que o jornal apresenta como “CEO e fundador do site de vendas de luxo Farfetch e criador da Fundação José Neves”), ficámos a saber que “o luxo já recuperou desde a pandemia”. E a seguir quantifica: “Crescemos 20% no primeiro trimestre”. Declinada por um empresário, a palavra “luxo” sofre uma espécie de deflação e designa apenas um ramo da indústria e do comércio, um sector da economia. Serve para designar uma mercadoria enriquecida, no sentido em que podemos falar do enriquecimento de um metal, como o urânio.

Sugerir correcção
Ler 7 comentários