Pedro Pablo Pichardo: porta-estandarte do sucesso

Conquistou o ouro em Tóquio naquela que foi a participação portuguesa com mais medalhas em Jogos Olímpicos. Foi uma das figuras que marcaram o ano.

Foto
Pedro Pablo Pichardo Reuters/CLODAGH KILCOYNE

Pedro Pablo Pichardo não é cubano, nem luso-cubano. Como o próprio faz questão de dizer sempre, é português. Foi como português que se sagrou campeão olímpico nos Jogos de Tóquio, com uma exibição absolutamente dominadora na final do triplo salto, liderando uma comitiva portuguesa que conheceu na capital japonesa um sucesso sem precedentes. Para além do ouro de Pichardo, houve a prata de Patrícia Mamona (triplo salto), o bronze de Jorge Fonseca (judo) e o bronze de Fernando Pimenta (canoagem).

Sugerir correcção
Ler 1 comentários