Associação tenta impedir obra no Parque da Devesa, em Famalicão

Centro de nanotecnologia do CITEVE está a ser erguido em zona verde do Plano de Urbanização do Parque da Devesa e verde-urbana do PDM, no lugar que antes era ocupado pelas hortas urbanas do município, entretanto relocalizadas. Contestatários admitem entregar acção popular em tribunal.

Foto
O CITEVE pretende instalar um novo pólo dedicado à nanotecnologia, no Parque das Devesas NFACTOS/Pedro Granadeiro

A construção do Centro de Nanotecnologia e Materiais Técnicos Funcionais e Inteligentes (CeNTI), em Famalicão, está suspensa. Uma providência cautelar requerida pela Associação Famalicão em Transição (AFeTra), foi aceite no Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga a 6 de Agosto. Por dez dias, não se pôde avançar na edificação do centro, que faz parte do CITEVE (Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal). Esses são também os dias que a autarquia tem para responder à decisão. Mas independentemente do efeito limitado desta iniciativa, os contestatários admitem partir para uma acção popular contra esta obra.

Sugerir correcção
Comentar