Censos 2021: “Olhem para o exemplo de Braga”

Com o Norte a perder cerca de 100 mil habitantes numa década, o município aparece como aquele, em todo o país, que mais cresce em termos absolutos. Em termos relativos, Odemira, com uma população migrante vasta, ocupa o 1.º lugar.

Foto
Acessibilidades, a universidade, alojamento a preços acessíveis e dinâmica empresarial podem explicar o aumento populacional em Braga PAULO PIMENTA

Os resultados preliminares dos Censos 2021, revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) esta quarta-feira, podem estar cheios de dados preocupantes, como a perda de população, a concentração cada vez mais visível de habitantes em alguns concelhos do litoral e o despovoamento do interior, mas o que mais chamou a atenção do investigador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, Pedro Góis, foi um dado positivo.