Ilustração

Sayid Manuel: a biografia ilustrada de um gato que nasceu preto e ficou preto e branco

Pata Lenta, Bebezudo ou Fanequinha Sayid Manuel responde a todos estes nomes. É um gato com 15 anos que vê a sua vida retratada num livro escrito e ilustrado pela dona, a artista portuguesa Catarina Gomes. 

Fotogaleria

"É um gato preto diferente. É muito grande, gordo e com manchas brancas", conta a ilustradora e dona do felino. Sayid Manuel é um gato de 15 anos que, a determinada altura, deixou de ser meramente preto. Sem explicação aparente, ganhou manchas brancas que o tornaram, nas palavras de Catarina Gomes, desigual. Como homenagem ao animal de estimação, a autora e ilustradora lançou o livro Sayid Manuel que retrata a vida e as aventuras deste felino. 

Para miúdos e graúdos, este álbum ilustrado pode agradar a todos, "pois é a história de um gato", diz Catarina ao P3. De peripécia em peripécia, o livro narra a vida de Sayid Manuel, desde o momento em que a ilustradora o foi buscar até agora.

Durante a passagem pela faculdade, numa aula de mestrado de Escrita Criativa, o docente desafiou os alunos a desenvolver um texto e Catarina decidiu escrever sobre o Sayid Manuel. Além de ter motivado a criação desta narrativa, foi João Manuel Ribeiro, o professor, poeta e responsável pela editora Trinta por uma linha, que ajudou a autora a publicar o livro. Assim surgiu a história de Sayid Manuel que também dá por nomes como Pata Lenta, Lord Nelson, Fanequinha ou Bebezudo. A biografia ainda não chegou às livrarias, mas está disponível no site da ilustradora.

Texto editado por Amanda Ribeiro

Sugerir correcção