Excerto de O Mapeador de Ausências, o novo romance de Mia Couto

A acção decorre no Moçambique pré e pós-independência e O Mapeador de Ausências conta-nos a história de Diogo Santiago, professor universitário em Maputo, poeta, que se desloca pela primeira vez em muitos anos à sua terra natal, a cidade da Beira, nas vésperas do ciclone que a arrasou em 2019, para receber uma homenagem. O romance é também o regresso a um passado longínquo, à infância e juventude de Diogo, quando Moçambique era uma colónia portuguesa. Aqui se publica um excerto do capítulo 16 desta obra de Mia Couto, numa edição da Caminho.

Foto
Mia Couto Nuno Ferreira Santos

PAPEL 27. Resumo do depoimento de Capitine Fungai sobre a morte de Almalinda, transcrito por Adriano Santiago

Sugerir correcção