Concurso

Uma tartaruga mostrou “o dedo do meio” a um fotógrafo — e venceu o prémio de mais cómica

Imagem de uma tartaruga a fazer "o gesto", captada por Mark Fitzpatrick, foi a vencedora dos Comedy Wildlife Photography Awards 2020. Há outras quatro premiadas em diferentes categorias.

Vencedor do concurso Mark Fitzpatrick/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Fotogaleria
Vencedor do concurso Mark Fitzpatrick/Comedy Wildlife Photography Awards 2020

Nunca pensamos vê-los assim: um peixe a rir, um urso polar a fazer um facepalm, um pássaro a dizer a outro para falar para a mão. No total, foram mais de sete mil imagens hilariantes que concorreram aos Comedy Wildlife Photography Awards de 2020. E a preferida do júri já é conhecida: é a de uma tartaruga que parece levantar “o dedo do meio” ao fotógrafo. Terry the Turtle Flipping the Bird foi captada por Mark Fitzpatrick, enquanto nadava com tartarugas ao largo da ilha Lady Elliot, em Queensland, na Austrália.

Mas, apesar de parecer que a tartaruga está a fazer o gesto indevido, mais não é do que uma feliz coincidência. Na verdade, Mark captou o momento em que a barbatana da tartaruga estava puxada para trás, enquanto nadava em direcção à câmara, criando a ilusão de que estava a dizer ao fotógrafo para ir... nadar para outro lado. 

“Sinto-me honrado por ter sido distinguido com o Comedy Wildlife Photographer of the Year para 2020”, disse o fotógrafo em comunicado, citado pela Wilder. “Tem sido fantástico ver a reacção desta imagem nas pessoas, provocando sorrisos naquele que tem sido um ano difícil para muitos e, ao mesmo tempo, ajudando a passar a importante mensagem da conservação da natureza.” Mark espera que a tartaruga Terry “incentive as pessoas a parar um momento para pensar o quanto a nossa incrível vida selvagem depende de nós e naquilo que podemos fazer para a ajudar”. A vitória valeu a Mark um safari ao Quénia, uma câmara fotográfica, uma estatueta feita por um artesão na Tanzânia e uma mochila para o material fotográfico. 

Estes prémios foram criados por Paul Joynson-Hicks e Tom Sullam, fotógrafos profissionais e conservacionistas. A competição é global, online e a participação é gratuita. A ideia é mostrar imagens cómicas da vida selvagem. “Queremos alertar consciências para os esforços conservacionistas necessários para manter estes animais livres e selvagens”, disse à Wilder Tom Sullan, em 2018. As imagens, espera, arrancam uma gargalhada de quem as vê — criando assim uma ligação emocional que pode levar à sensibilização.

A fotogaleria mostra as vencedoras das restantes categorias e alguns finalistas. Desde um esquilo que canta aos céus a um insecto que se tenta esconder, mas sem sucesso, as imagens são hilariantes. Vale a pena vê-las.

Vencedor da categoria <i>Affinity Photo People's Choice Award</i>
Vencedor da categoria Affinity Photo People's Choice Award Roland Kranitz/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Vencedora da categoria <i>Alex Walker's Serian Creatures on the Land Award</i>
Vencedora da categoria Alex Walker's Serian Creatures on the Land Award Charlie Davidson/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Vencedora da categoria <i>Spectrum Photo Creatures in the Air Award</i>
Vencedora da categoria Spectrum Photo Creatures in the Air Award Tim Hearn/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Vencedor da categoria <i>Think Tank Photo Junior Category Winner</i>
Vencedor da categoria Think Tank Photo Junior Category Winner Olin Rogers/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista ARTHUR TELLE THIEMANN/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista KEN CROSSAN/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista MEGAN LORENZ/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista ASAF SERETH/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista KUNAL GUPTA/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista TIM HEARN/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Finalista
Finalista YEVHEN SAMUCHENKO/Comedy Wildlife Photography Awards 2020
Sugerir correcção