Já se vêem espectáculos ao fundo do túnel

Esta segunda-feira as salas têm ordem para reabrir. Filmes, concertos e sessões de leitura começarão a testar a confiança dos espectadores, mas há companhias, como O Bando e o Teatro da Rainha, preparadas para estrear novas produções teatrais ainda este mês.

teatro-nacional-sao-joao,festival-almada,casa-musica,cinemateca,teatro,culturaipsilon,
Foto
As operações de desinfecção do Grande Teatro Qintai, em Wuhan, o epicentro da propagação do novo coronavírus ALY SONG/REUTERS

A primeira imagem que Miguel Jesus teve para a sua encenação de Antes do Mar, com texto de Hélia Correia, foi a de “um espectáculo que começasse muito longe do espectador”. Sendo esta uma peça em torno da ideia de aproximação, de êxodos e de migrações, pareceu-lhe adequado acentuar no público a estranheza em relação a estas personagens que começam por ser longínquas e, à medida que o tempo passa, ficam mais próximas – não apenas no plano físico, mas também no plano afectivo, nos outros que, afinal, podíamos ser nós. “É algo de que falo há seis meses, mas que agora não só é completamente possível como até dá jeito”, diz ao PÚBLICO.