Gonçalo Byrne: “O termo qualidade em arquitectura foi posto no lixo pelo Estado”

O depósito dos arquivos de Gonçalo Byrne na Casa da Arquitectura foram o pretexto para esta conversa, em que fala da sua vida, da sua carreira e da situação da arquitectura em Portugal. Sem rodeios.

Foto
nuno ferreira santos

São palavras duras, talvez só possíveis de proferir por um dos decanos da arquitectura portuguesa, Gonçalo Byrne. Diz que pior do que a falta de encomenda provocada pela crise foi a perversão da relação entre encomendador e encomendado: “Os arquitectos em Portugal são oficialmente tratados como uma classe de que é preciso desconfiar.”

Sugerir correcção
Comentar