Esta casa de Guimarães está protegida por um “ninho” de madeira

Ivo Tavares Studio
Fotogaleria
Ivo Tavares Studio

A privacidade era uma exigência dos proprietários e tornou-se na principal característica da casa projectada pelo gabinete de arquitectura REM'A. Construída ao longo de um loteamento típico da periferia da cidade de Guimarães, a Casa A foi “um grande desafio” para os arquitectos. Afinal, conseguir uma habitação com privacidade quando o lote está circundado por outras casas não é tarefa fácil. 

O projecto de Romeu Ribeiro e José Pedro Marques, cuja construção terminou em 2019, teve de desenrolar-se de acordo com as “características do próprio lote”, explica o primeiro arquitecto. Isto porque o terreno tinha duas cotas, o que obrigou a uma divisão em dois pisos: “o primeiro seria um piso de contenção, o superior seria um volume cego de monólito”, isto é, um volume sem janelas que, por consequência, coincidiria com o muro de contenção de terras.

A luz solar penetra pelo piso superior através de “paredes falsas” e clarabóias e entra no piso de contenção através de mais clarabóias, desta feita provenientes da posição enviesada do monólito.

“A proposta gravita à volta de duas relações de utilização distintas: a social e a privada”, conta o arquitecto. Para as zonas sociais, localizadas essencialmente no piso de contenção, foram definidos espaços exteriores para permitir uma “transversalidade nas relações interior/exterior da casa”, como a sala de estar, separada da piscina por uma caixilharia que, quando recolhida, faz com que o “espaço social se prolongue”. Já a estrutura monolítica foi “revestida a madeira, com as réguas na diagonal, numa alusão simples a um ninho que envolve a zona privada da casa”.

Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Ivo Tavares Studio
Sugerir correcção