Fotografia

Golfinhos, veados, floresta e tudo o que há em Portugal se cuidarmos da natureza

Fotografia "Golfinho no Sul do Pico", de Pedro Silva, que conquistou o primeiro prémio na categoria Fauna Pedro Silva
Fotogaleria
Fotografia "Golfinho no Sul do Pico", de Pedro Silva, que conquistou o primeiro prémio na categoria Fauna Pedro Silva

A competição que incentiva fotógrafos apaixonados pelo meio ambiente e preocupados com a sua conservação a sair à rua para captar paisagens portuguesas já tem vencedores. A competir na quinta edição do concurso de fotografia de natureza promovido pela Quercus e BMW i estiveram cerca de 500 imagens, divididas por quatro categorias: Fauna, Flora, Vida Marinha e a #BMWiNaturePhoto, a vertente digital do concurso. No total, foram atribuídos mais de 4 mil euros em prémios na cerimónia que decorreu esta quarta-feira, em Lisboa.

Com uma fotografia de um golfinho captada no Pico, nos Açores, Pedro Silva sagrou-se vencedor da categoria Fauna e juntou a esta distinção um terceiro lugar na secção Flora. Fotógrafo amador, estreou-se em beleza no concurso. "Sou habitante do Pico e por aqui temos algumas facilidades em fotografar este tipo de ambientes, pois não só temos grandes paisagens como também muita vida marinha", explica o açoriano, em conversa com o P3. E, naquela tarde, o "mar também ajudou". "Embora os golfinhos sejam muito difíceis de fotografar, das coisas mais difíceis que já fotografei na vida, de vez em quando até corre bem. Nesse dia, além dos golfinhos, vi outras criaturas marinhas como a baleia-azul, a baleia-de-bossa, cachalotes e ainda baleias comuns." 

Segundo o comunicado das entidades organizadoras, "os vencedores foram escolhidos com base nos critérios estéticos da imagem, criatividade, originalidade e enquadramento no tema do concurso". As dez imagens distinguidas podem agora ser vistas no rooftop do LACS Conde de Óbidos, em Lisboa, "com o intuito de inspirar todos os fotógrafos, profissionais e amadores, que queiram abraçar esta causa pela conservação da natureza".

“Veado Vermelho”, de Maria Augusta de Almeida Pinto, vencedora do segundo prémio da categoria Fauna
“Veado Vermelho”, de Maria Augusta de Almeida Pinto, vencedora do segundo prémio da categoria Fauna Maria Augusta de Almeida Pinto
O terceiro prémio da categoria Fauna foi atribuído à fotografia de Vítor Oliveira, “A Vida de um Guerreiro"
O terceiro prémio da categoria Fauna foi atribuído à fotografia de Vítor Oliveira, “A Vida de um Guerreiro" Vítor Oliveira
“Beleza Selvagem” de José Manuel Gonçalves, conquistou o galardão na categoria Flora
“Beleza Selvagem” de José Manuel Gonçalves, conquistou o galardão na categoria Flora José Manuel Gonçalves
Fotografia de João Coutinho, “Espero por ti”, arrecadou o segundo prémio da categoria Flora
Fotografia de João Coutinho, “Espero por ti”, arrecadou o segundo prémio da categoria Flora João Coutinho
Na categoria Flora, Pedro Silva conquistou o terceiro prémio com a fotografia “Juniperus Brevifolia - Cedro do Mato”
Na categoria Flora, Pedro Silva conquistou o terceiro prémio com a fotografia “Juniperus Brevifolia - Cedro do Mato” Pedro Silva
Na categoria Vida Marinha, João Bruges foi o vencedor com a fotografia “Blue Shark Açores”
Na categoria Vida Marinha, João Bruges foi o vencedor com a fotografia “Blue Shark Açores” João Bruges
O segundo lugar da categoria Vida Marinha foi atribuído à fotografia “Porto de Abrigo”, de João Miguel Roque
O segundo lugar da categoria Vida Marinha foi atribuído à fotografia “Porto de Abrigo”, de João Miguel Roque João Miguel Roque
“A Dança da Natureza”, de Hugo Marques, conquistou o terceiro lugar da categoria Vida Marinha
“A Dança da Natureza”, de Hugo Marques, conquistou o terceiro lugar da categoria Vida Marinha Hugo Marques
Ângelo Jesus foi o vencedor da categoria #BMWiNaturePhoto com a fotografia "Trio"
Ângelo Jesus foi o vencedor da categoria #BMWiNaturePhoto com a fotografia "Trio" Ângelo Jesus
Sugerir correcção