Activismo arco-íris através do desporto: são assim os Jogos Gay

Apesar do nome, este é um evento aberto a todas as pessoas associadas ao mundo LGBTQ, independentemente da orientação sexual ou da identidade de género. 

Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França REGIS DUVIGNAU/Reuters
Fotogaleria
Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França REGIS DUVIGNAU/Reuters

Desporto, cultura e inclusão: é este o mote dos Jogos Gay (Gay Games, no original). Trata-se de um evento desportivo e cultural que, na 10.ª edição, rumou até Paris, França, e irá durar até este domingo. Todos são convidados a disputar as medalhas das várias modalidades e os participantes podem ser atletas profissionais ou amadores — não há mínimos de participação, nem limites de idade.

Em 1982, arrancava em São Francisco, a primeira edição dos Jogos Gay. Assumiram, desde a origem, uma dimensão activista, nomeadamente na consciencialização sobre o vírus da sida. “O fundador morreu em 1987 por questões relacionadas com a sida. Sempre demos importância à doença, com o desejo de fazer participar pessoas seropositivas e dar-lhes visibilidade, mas também em memória das vítimas”, contou ao Le Monde Manuel Picaud, vice-presidente do evento.

Apesar do nome, este é um evento aberto a todas as pessoas associadas ao mundo LGBTQ, independentemente da orientação sexual ou da identidade de género. A ideia é promover o espírito de inclusão e o activismo LGBTQ — até porque muitos participantes chegam de países onde a homossexualidade ainda é crime.

Portugal participa com uma comitiva com mais de 40 atletas e já arrecadou seis medalhas na natação. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, acompanha a equipa portuguesa. “É evidente que as medalhas são importantes quando estamos a falar de competições desportivas", disse João Paulo Rebelo, aos microfones da TSF. Mas, para lá das medalhas, o secretário de Estado opta também por realçar "a abertura que o país hoje tem e que todos devemos ter ao desporto inclusivo".

Uma tabuleta com as cores do arco-íris, pintada numa rua perto da aldeia dos Jogos Gay
Uma tabuleta com as cores do arco-íris, pintada numa rua perto da aldeia dos Jogos Gay Reuters/REGIS DUVIGNAU
Duas dançarinas do mesmo sexo participam na competição sénior, durante os Jogos Gay no Ginásio Japy de Paris
Duas dançarinas do mesmo sexo participam na competição sénior, durante os Jogos Gay no Ginásio Japy de Paris LUSA/CAROLINE BLUMBERG
Atleta que compete na natação sincronizada
Atleta que compete na natação sincronizada CAROLINE BLUMBERG/Lusa
As claques dos Jogos Gay, no Estádio Charlety em Paris
As claques dos Jogos Gay, no Estádio Charlety em Paris Reuters/REGIS DUVIGNAU
,
, Reuters/REGIS DUVIGNAU
Atletas abraçam-se antes de iniciarem uma prova de natação sincronizada
Atletas abraçam-se antes de iniciarem uma prova de natação sincronizada REGIS DUVIGNAU/Reuters
Durante a inauguração da aldeia dos Jogos Gay, no Hôtel de Ville em Paris
Durante a inauguração da aldeia dos Jogos Gay, no Hôtel de Ville em Paris Reuters/REGIS DUVIGNAU
Hector Raffaud, da equipa A Princesa e o Sapo
Hector Raffaud, da equipa A Princesa e o Sapo CAROLINE BLUMBERG/Lusa
As claques treinam a coreografia antes da cerimónia de abertura dos Jogos
As claques treinam a coreografia antes da cerimónia de abertura dos Jogos LUSA/CHRISTOPHE PETIT TESSON
Os participantes do Taiwan, durante a cerimónia de abertura
Os participantes do Taiwan, durante a cerimónia de abertura LUSA/CHRISTOPHE PETIT TESSON
Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França
Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França REGIS DUVIGNAU/Reuters
Durante um jogo de voleibol de praia, perto de Paris
Durante um jogo de voleibol de praia, perto de Paris LUSA/CHRISTOPHE PETIT TESSON
Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França
Atletas durante uma prova de natação sincronizada nos Jogos Gay no centro aquático de Maurice Thorez, em Montreuil, perto de Paris, na França REGIS DUVIGNAU/Reuters
Os atletas da equipa A Princesa e o Sapo posam para a fotografia
Os atletas da equipa A Princesa e o Sapo posam para a fotografia CAROLINE BLUMBERG/Lusa
Duplas de dança do mesmo sexo
Duplas de dança do mesmo sexo Reuters/REGIS DUVIGNAU
Sugerir correcção